(21) 2569-6969 | (21) 2269-6969 | (21) 2169-6969 (Seg. a sex.: de 8h às 18h e Sábados de 8h às 12h) insetisan@insetisan.com.br

 

icone-caramujo
Caramujos

 

caramujo

Caramujo Gigante Africano

Os caramujos gigantes africanos são encontrados em ambientes de solo úmido (não encharcado). O período de maior atividade desses caramujos é a noite. São bastantes resistentes as variações de temperaturas.

Comprimento: entre 15 a 20cm;

Peso: podem chegar a 500g;

Deslocamento: 50 metros à noite;

Reprodução: em oito meses de vida podem colocar de 300 a 1000 ovos;

Longevidade: até 10 anos.

Originário da África oriental foi levada a outros continentes como a Ásia e América por produtores de escargot, devido a uma maior produção e por conter mais carne em relação ao escargot verdadeiro. Os consumidores não apreciaram o sabor e os produtores descartaram de maneira indevida, onde ocorreu a proliferação descontrolada.

Estão presentes em quase todos os estados brasileiros, causando transtornos as populações. Certos mamíferos e aves são predadores, mas não são suficientes para o controle.

A alimentação desses caramujos são hortaliças, plantas frutíferas, plantas ornamentais, plantas nativas e outras espécies de vegetais. São considerados polífagos (se alimentam de uma ampla variedade de alimentos). Consomem cerca de 10% de seu peso por dia, causando grandes estragos nas plantas.

São uma séria ameaça a saúde pública, habita a rede de esgoto, podendo ser o hospedeiro intermediário de dois vermes nematóides, sendo eles o Angiostrongylus costaricensis, causador da angiostrongilíase abdominal e o Angiostrongylus cantonensis, causador de um tipo de meningite eusinofílica. Ocorrem na carne do caramujo e também no muco que ele secreta para se locomover. O homem pode se contaminar ao ingerir a carne do caramujo ou colocando a mão na boca após manuseio e ingerir alimentos que entre em contato com ele.

Quando o controle é realizado (após a morte dos caramujos), as cascas devem ser retiradas dos locais de foco, pois podem servir de criadouro para as larvas do mosquito Aedes Aegypti.